Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2016

"Quote" - John F. Kennedy

A citação desse post é um trecho de um discurso do grande John Kennedy (1917-1963) para a Universidade de Yale em 11 de Junho de 1962. Veja a transcrição original e a tradução livre, bem como mais abaixo um vídeo com outro trecho do mesmo discurso e ainda o link para o áudio completo. 
Original:
     “The great enemy of truth is very often not the lie, deliberate, contrived and dishonest; but the myth, persistent, persuasive and unrealistic. Too often we hold fast to the cliches of our forebears. We subject all facts to a prefabricated set of interpretations. We enjoy the comfort of opinion without the discomfort of thought."
Tradução:
     "O grande inimigo da verdade não é a mentira, deliberada, irracional e desonesta; mas sim o mito, persistente persuasivo e irreal. É demasiado frequente nós nos prendermos aos clichês de nossos antepassados. Subjugarmos todos os fatos em nome de um conjunto pré-fabricado de interpretações. Nós apreciamos o conforto da opinião sem o desc…

O Narciso de cada um

Na geração do Instagram, facebook, dos likes e dos selfies, a exaltação a própria imagem é algo banal na vida cotidiana. Mas será isso um fenômeno contemporâneo? Na verdade, apenas a forma como se dá esse culto a si mesmo é que se transformou, mas o fenômeno em si já é retratado desde a Grécia Antiga, simbolizada por Narciso.       Segundo a mitologia grega, Narciso era um jovem belo filho do Deus Cefiso e da ninfa Liríope. Antes do seu nascimento, um oráculo previu que o belo rapaz teria uma vida longa e próspera contanto que nunca visse o próprio rosto. O jovem então cresceu e se tornou ainda mais belo, despertando amor tanto nos homens quantos nas mulheres da região de Beócia. Um dia uma ninfa chamada Eco se apaixonou perdidamente por Narciso, mas este a desprezava. As moças e rapazes desprezados por ele pediram aos deuses para dar uma lição em Narciso, fazendo-o se apaixonar por si mesmo. O rapaz, encantado com a própria beleza não resistiu e deitou-se no leito do rio Est…

Soundtrack: Vantagens de Ser Invisível

A trilha sonora do filme As vantagens de ser invisível é um carro chefe tanto na caracterização do Charlie (Logan Lerman), quanto no envolvimento com a trama do filme. Esse filme é um daqueles que mesmo se você não gostar, você vai ficar feliz de ter visto, por que apesar dos problemas o filme entrega bons momentos e boas histórias, sem falar em várias temáticas importantes que são abordadas. Um dos pontos altos do filme acontece justamente no final, quando o Charlie escreve sua última carta para seu velho amigo e ao som do glorioso David Bowie, deixa essa linda mensagem para finalizar o filme e deixar todos com olhos marejados. Recomendo firmemente a todos que gostam desses filmes estilo A culpa é das estrelas. Vale a pena! Você pode conferir críticas desse filme clicando aqui, e a seguir a transcrição do último poema de Charlie, um clipe com a música Heroes, a última cena do filme e ainda a playlist no Spotify com a trilha sonora completa do filme.

     “Não sei se terei te…

O Fantástico Mundo de Nárnia

Pra quem pensa que Nárnia é apenas aquela terra encantada que quatro órfãos visitam e que cabe dentro de um guarda-roupa, este post será revelador. Isso porque C.S. Lewis idealizou esse complexo 'mundo' em suas crônicas, a partir de 1949 com O leão, a feiticeira e o guarda-roupa, seguido de mais seis volumes que completam as renomadas Crônicas de Nárnia.        As histórias de faunos, elfos, minotauros e criaturas místicas são apenas a casca dessa história que possui diversas metáforas e analogias que nunca foram confirmadas oficialmente pelo autor mas que já foram tema de teses de doutorado mundo afora, explicitando a profundidade dessa obra. Vamos olhar mais de perto alguns elementos embutidos nas crônicas que podem ter passado despercebido pra quem assistiu os filmes. Não custa lembrar que esse post terá SPOILERS do livro.
 1.  Filhos de Adão e Filhas de Eva:      O primeiro aspecto que evidencia o teor metafórico e até religioso das crônicas é chamar os humanos em Ná…

Poesia de Gaveta

Saindo do Escuro

No escuro, na penumbra Quem nada vislumbra Mesmo um povo milenar Na escuridão sem luar Sem ser, sem enxergar
Afinal, o que é a escuridão? Quem tem rancor no coração Ou já perdeu a sua visão Diz que é o inferno, Um abismo sem fim Mas quem cultiva o amor Ou enxerga os urubus Diz que o escuro É apenas falta de luz
No escuro, na penumbra Numa fila sem guichês Só se importam com cachês Suas vidas exauridas Vazias, sofridas
Afinal, o que é a ignorância? Quem a tem desde a infância Ou não tem fome nem ânsia Diz que é ser agressivo, Ou tratar mal o diferente Mas quem ingere conhecimento Ou almeja sempre crescer Diz que ignorante É quem para de aprender
Sem escuro Sem penumbra Não haverá muro, Nem sombra. Não será fácil, Nem igual. Mas quando abrir os olhos Verás aquilo que é real.
Acendam-se as luzes! Liguem os holofotes! O interruptor? Está dentro de você!

Mural - Eu Me Chamo Antônio

"Em Outubro de 2012, Pedro Gabriel inaugurou a página Eu me chamo Antônio no Facebook (www.facebook.com/eumechamoantonio), para compartilhar os desenhos e as frases que rabiscava com caneta hidrográfica em guardanapos nas noites em que batia ponto no Café Lamas, um dos mais tradicionais bares do Rio de Janeiro. Em menos de um ano, conquistou mais de 300.000 seguidores entusiasmados."
     Pedro Gabriel apresenta em seus livros várias histórias vividas por seu alter ego Antônio com mensagens sobre paixões, sobre a vida e também sobre as perdas e suas dores. Nesse Mural de Imagens de hoje, quero compartilhar com vocês esse presente que ganhei de um grande amigo pra que vocês possam conhecer um pouco das mensagens desse grande artista e poeta contemporâneo. 




Veja mais imagens de Pedro Gabriel!

My Favorite - Black Mirror

Se você procura uma série diferente de basicamente todas as outras no ar atualmente, que seja inteligente, viciante e crítica, você tem que assistir Black Mirror; série britânica antológica que busca polemizar sobre muitos temas que já são debatidos na sociedade moderna com a velocidade com que a tecnologia avança em nossas vidas, muitas vezes sem nós percebermos. A séria faz um exercício de imaginação sobre como seria nosso cotidiano no futuro com o advento de ferramentas tecnológicas que muitas vezes podem parecer benéficas mas que no fundo tiram um pouco da nossa humanidade.      O criador da série, Charlie Brooker, em entrevista ao jornal The Guardian explicou o porquê do título da série: "Se a tecnologia é uma droga então quais são precisamente os efeitos colaterais? Este espaço (entre apreciação e desconforto) é onde Black Mirror, minha nova série de televisão, está localizada. O 'espelho negro' do título é um que você encontrará em todas as paredes, em todas …

Music and Poems - Bob Dylan

Esse post é uma homenagem do Blog a este grande artista, músico e agora poeta vencedor do Prêmio Nobel de Literatura, mostrando que a arte está em qualquer lugar e não há limites para quem se expressa com verdade e paixão. Parabéns Bob!
Forever Young - Bob Dylan (Tradução)
May God bless and keep you always May your wishes all come true May you always do for others And let others do for you May you build a ladder to the stars And climb on every rung May you stay forever young Forever young, forever young May you stay forever young
May you grow up to be righteous May you grow up to be true May you always know the truth And see the lights surrounding you May you always be courageous Stand upright and be strong May you stay forever young Forever young, forever young May you stay forever young
May your hands always be busy May your feet always be swift May you have a strong foundation When the winds of changes shift May your heart always be joyful May your song always be sung May you…

"Quote" - Steve Jobs

Na citação desse post, um discurso do Steve Jobs para os alunos formandos da Universidade de Stanford. A seguir o vídeo legendado e em seguida a transcrição do discurso em português.

"Stay hungry. Stay foolish." “Continue com fome, continue bobo.”



Veja a transcrição completa!

Mais Difícil Ouvir

Palavras machucam. Algumas delas mais que um soco na boca do estômago. Se essas palavras advém de alguém amado, a dor é ainda maior. Nesse caso, seria mais como o cravar de uma adaga no ventrículo esquerdo, impedindo que este lance o sangue para o restante do corpo. Como bem diz o título desse Blog: é "Mais Fácil Falar" do que, nesse caso, ouvir. Existe uma dicotomia intrínseca a esses dois elementos fundamentais para esse post: o Falar e o Ouvir.         Existe um conceito Beneditino muito famoso que afirma que "temos dois ouvidos e apenas uma boca que é para ouvir mais e falar menos". São Bento e sua ordem ressaltam a importância de saber ouvir. Todos os dias escutamos coisas das mais variadas na nossa rotina como barulhos, músicas, sons aleatórios ou até mesmo escutamos uns aos outros. Percebam que quando falo ouvir me refiro ao ato de assimilar o som escutado. Portanto, se algo não interessa pode muito bem ser escutado e não assimilado. Então, o ouvir, n…

Mural de Imagens - Felipe Guga

Dessa vez, nosso mural de imagens traz o iLUZtrador Felipe Guga, que traz mensagens e ilustrações em seu perfil do Instagram @ofelipeguga. Muitas dela trazem um sentimento de esperança, gratidão e espiritualidade. Vale a pena conferir o trabalho desse artista! Veja todas as ilustrações dele no Instagram! Busque por @ofelipeguga.



































Falando de Tatuagens

Tatuagens. Estudos arqueológicos demonstram que os seres humanos tem o costume de pintar e marcar o próprio corpo desde os anos 2000 a.c., com diversas provas em regiões como no Egito, Polinésia e Nova Zelândia, mas em pleno século XXI esse assunto ainda é frequentemente estigmatizado e alvo de diversos tipos de preconceitos por parte da sociedade. Em diversas áreas do mercado de trabalho, como por exemplo no ramo do direito ou da justiça, candidatos que possuam tatuagens são proibidos de ingressarem em cargos públicos pelo simples fato de possuírem uma tatuagem no corpo.       Esse preconceito contra pessoas que possuem tatuagens começou no ano de 1879 quando a Inglaterra passou a identificar seus criminosos com essa técnica de marcação definitiva da pele, e a partir disso as tatuagens começaram a serem vistas como símbolo de pessoas de mau caráter e fora da lei. Várias religiões também contribuíram para essa estigma contra as tatuagens, onde na maioria delas, modificar o própr…

#BlackLivesMatter

Mais uma vez nos Estados Unidos é escancarada a segregação racial da sociedade que tantas vezes fica encoberta por uma espessa camada de hipocrisia. Uma grande tensão ocorreu no país após a divulgação de dois vídeos chocantes expondo a morte de dois homens negros por policiais brancos onde em ambos os casos as vítimas se encontravam dominadas ou sem oferecer perigo algum aos policiais que agiram com truculência e covardia. Essa tensão e toda a revolta despertada por esses casos criaram uma onda de protestos que resultaram na morte de cinco policiais brancos após um atirador negro ficar fora de controle e resolver "vingar" a morte dos dois homens brutalmente assassinados. Ocorre que os policiais mortos não tinham nada a ver com os policiais que mataram os inocentes anteriormente. Ao perder a cabeça e apelar para a violência aleatória contra "policiais brancos", o atirador recorre a uma atitude que ele mesmo é contrário, que é a retaliação através de violência …

E Depois? Nada.

Primeiramente, gostaria de esclarecer que o post não tem spoilers de Game of Thrones, já que duas semanas após a exibição desses fatos marcantes da série é quase impossível que você não saiba  ainda do que aconteceu com o John Snow, bastardo de Ned Stark. Como essa primeira imagem acima mostra, John morreu no fim da quinta temporada esfaqueado até a morte por seus subordinados traidores. Temporada nova, e vida nova para o Snow. Sim, John ressuscitou através de um ritual da feiticeira Melisandre. Ao voltar da morte, a feiticeira pergunta curiosa a respeito do que John viu "do outro lado". Ele responde ainda incrédulo: "Nada! Não havia nada!". E isso mudará completamente o personagem vivido por Kit Harington daqui pra frente. John sempre foi um homem que valorizava acima de tudo sua honra e nunca teve medo de defender seus ideais, mesmo que isso lhe custasse a vida. Porém agora que ele viu o "outro lado", vem o questionamento: se não existe nada após …

Bela, recatada e 'do lar'?

Essa semana a internet bombou com vários memes a respeito de uma reportagem da revista Veja, (confira aqui) exaltando as características de Marcela Temer, mulher do vice (e quase presidente) Michel Temer. A revista descreveu Marcela como "mulher de sorte" que "gosta de vestidos na altura dos joelhos", que "sonha em ter mais um filho" e "está sempre lá" para ajudar o marido. A revista Veja é conhecida por fazer oposição, não só ao PT mas ao partido que detenha o poder. Fato notório visto que a revista é criticada costumeiramente por Lula, Dilma e também foi duramente criticada por FHC em seu livro Diários da Presidência (Vol. 1).       Dito isso, dá pra perceber claramente a intenção da reportagem em fazer um contraponto entre a imagem de Marcela Temer e a imagem de Dilma Rousseff; mulher solteira, com fama de controladora e rígida, claramente o oposto da perfeita, recatada e "do lar" exaltada pela revista. E aí com isso, surgem a…

"Quote" - Le Petit Prince

"Foi o principezinho rever as rosas: 

-Vós não sois absolutamente iguais à minha rosa, vós não sois nada ainda. Ninguém ainda vos cativou, nem cativastes a ninguém. Sois como era a minha raposa. Era uma raposa igual a cem mil outras. Mas eu fiz dela um amigo. Ela agora é única no mundo. 

E as rosas estavam desapontadas. 

-Sois belas, mas vazias, disse ele ainda. Não se pode morrer por vós. Minha rosa, porém, mais importante que vós todas, pois foi a ela que eu reguei. Foi a ela que pus sob a redoma. Foi a ela que abriguei com o pára-vento. Foi dela que eu matei as larvas (exceto duas ou três por causa das borboletas). Foi a ela que eu escutei queixar-se ou gabar-se, ou mesmo calar-se algumas vezes. É a minha rosa. 
E voltou, então, a raposa: 
-Adeus, disse ele... 
-Adeus, disse a raposa. Eis o meu segredo. É muito simples: só se vê bem com o coração. O essencial é invisível para os olhos. 
-O essencial é invisível para os olhos, repetiu o principezinho, a fim de se lembrar. 
-Foi o tempo…

Mural de Imagens - Kuczynski

Questionar a sociedade e as atitudes cotidianas do homem "moderno" através de suas imagens é uma característica marcante do artista plástico Pawel Kuczynski. Abaixo algumas imagens do artista que refletem sua característica crítica perante a sociedade.



Revolução?




Eleições: A disputa de quem melhor maneja o rebanho




Falatório político superficial e inútil




Crítica de Classes




O homem e o tempo





O vício




Ditadores







Soldados: Pessoas ou números?






Redes (anti) sociais





A ilusão da Paz







Dualidade: Pra uns carinho, pra outros a panela







Infâncias roubadas






O Motivo da Guerra







O politicamente correto







Educação goela abaixo







Chuva de Arroz